sábado, 16 de abril de 2011


Estou sozinho, num cais inexistente, 
na sombra de tudo, a olhar o mar.
E a te esperar...

(J.G. de Araujo Jorge)


8 comentários:

  1. Gostei muito deste site e por isso resolvi colocar uma mensagem para conhecimento de todos. Já existe uma maneira de se fazer grampo de celular. Chama-se telefone espião. Você pode encontrar no site www.celularespiao.net

    ResponderExcluir
  2. se o cais não fosse inexisten eu diria pra aproveitar a natureza (ouvir o som do vento, das ondas do mar irem e virem e todos os sons singelos que possas exister enquanto espera nesse cais) :(

    bjocas procê

    ResponderExcluir
  3. "O mar quando pega na praia é bonito". (Dorival Caymmi).

    Bjk.

    ResponderExcluir
  4. Que lindo!
    Adorei!
    Passando para lhe desejar um bom final de semana!
    Beijos meus

    ResponderExcluir
  5. Olá adorei teu blog, lindo mesmo. Parabéns. Fique a vontade para fazer uma visitinha ao nosso “Alto-falante” e seja mais um membro. Você é nosso convidado especial. http://poetarenatodouglas.blogspot.com/.
    Um grande abraço!

    Renato Douglas!

    ResponderExcluir
  6. E as vezes essa espera é tão longa...

    Boa semana querida,
    beijo meu :)

    ResponderExcluir
  7. e nós esperamos que o amor nos liberte...

    muitos beijos ate mais

    ResponderExcluir
  8. Sandra: Um barco num lugar aonde não há cais, há uma espera que nós sempre esperamos que é por um amor que nos liberte das nossas dores do coração.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir

Não fique em silêncio, deixe suas palavras como um presente pra mim...Muito obrigada!